• Paulo Henrique Mai

Síndrome dolorosa miofascial: causa mais comum de dor muscular

Tem algumas coisas que revolucionam nossas vidas, não tem? Na minha vida profissional uma das coisas mais importantes que aconteceu foi ser introduzido pelo Dr. Alexandre Fortes e pelo Dr. Ari Moré ao conceito de Síndrome Dolorosa Miofascial.


A Síndrome Dolorosa Miofascial, para quem não está familiarizado com o nome, é a causa mais comum de dor muscular. Se pararmos para pensar, a maioria de nós, se não está com alguma dor no momento, sentiu dor em algum músculo do corpo na última semana ou no último mês. E essa dor, muito provavelmente, é miofascial.


Em suma, a Síndrome Dolorosa Miofascial consiste em uma disfunção neuromuscular local que se caracteriza por áreas de contratura muscular (bandas musculares tensas) que geram dor no local e que pode se espalhar para regiões vizinhas. A dor geralmente se resolve por conta própria depois de poucos dias ou semanas, no entanto, para algumas pessoas, a dor muscular persiste e se torna crônica.


Os locais do corpo mais comumente acometidos são braços, cabeça, pescoço, pernas, glúteos, ombros e região lombar, podendo acometer qualquer grupo muscular.



Causas da Síndrome Dolorosa Miofascial


Desencadeada por forçar o músculo (estresse muscular) mais do que ele está preparado para tal:

  • movimentos repetitivos

  • postura inadequada

  • muito tempo sentado

  • falta de alongamento

  • dissensões musculares

  • questões de saúde mental como ansiedade ou depressão

  • privação de sono

  • condicionamento físico inadequado


Tratamento

  • uso de analgésicos e, por vezes, relaxantes musculares

  • alongamento e exercícios de fortalecimento muscular

  • fisioterapia

  • massagem

  • acupuntura

  • infiltração de pontos gatilhos miofasciais


Para saber mais:


Paulo Henrique Mai

Médico de Família e Comunidade

CRM/PR 38.165

47 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo